• Leonardo Amaro

Resident Evil, o(s) filme(s) – O guia definitivo (do que vimos até agora).

Agora é global! É o apocalipse! Extinção dos humanos! Não, não…é o pós-vida!! Pera….to ficando confuso…Ah é! Agora é a retribuição! Porque vocês sabe…karma is a bitch. A franquia com os nomes mais contraditórios está de volta! Resident Evil continua contando a história de Alice, sobrevivente mutante do holocausto zumbi causado pela Umbrella Corporations…mas…tem ainda história? Tem sim. Primeiramente, devo pedir para você, que está lendo esse post, entenda o meu lado. Sou um fã assíduo de zumbis, tendo trilhado o meu próprio protocolo para caso haja um apocalipse zumbi e eu realmente gosto, tanto dos filmes do Resident Evil, como o jogo, que também é muito bom, mas para esse humilde autor desse post, devo dizer que eu vejo os dois como coisas separadas. Prefiro pensar assim para não danificar a imagem e história do jogo e também a do filme. Gosto de pensar assim para poder “usufruir” totalmente dos dois. Tenho o mesmo envolvimento com The Walking Dead (HQ e série) e também os filmes de heróis, filmes baseados em livros e etc. Recomendo muito tentar ver tudo como mídias diferentes. Você ganha muito mais e não fica falando “pow não tem nada a ver com o livro”. Cara! São duas mídias diferentes! Aproveite os dois! Bom, voltando aos zumbis…


Umbrella Corporation, a Google dos zumbis


Contando resumidamente (bem resumidamente) a história dos 4 primeiros… *SPOILERS CASO VOCÊ NÃO TENHA VISTO-OS (o que eu sugiro altamente)* É o seguinte: Resident Evil (1)



Todos juntos dando as mãos, ou não


Um bando de soldados babacas foram mandados pra ver o que aconteceu com a equipe Um (a equipe da linda Michelle Rodrigues). Porque babacas? Os caras entram, são dilacerados pelos zumbis e o que? Não fecharam a porta. Sim, isso acontece com os melhores militares. Os zumbis vão pra fora e começa a loucura. Enquanto isso, Alice, que continua pelada (acho que ela gosta – e a gente também) acha uma arma e roupas (aaah). Ela percebe que agora ela tem super força, velocidade e seus sentidos melhoraram. Ela tem visões momentâneas de uma pessoa fazendo experimentos nela durante o tempo que estava “dormindo” – ah, e isso continua acontecendo durante o filme todo. Ela descobre que estão evacuando a cidade e ela acaba fazendo parceria com a policial Jill Valentine (pra mim, a musa de toda a saga). O governo fecha as portas da cidade. Ninguém entra e ninguém sai. Alice, Jill, o sargento infectado Peyton e a repórter Terri tentam se esconder. Do outro lado da cidade (eu acho), uma equipe de soldados da Umbrella entra na cidade, liderados por Carlos Oliveira (o gigolô master do Gigolô Por Acidente). Eles se juntam com um grupo de outros soldados chamados STARS (tem uma sigla desnecessária) e vão defender a cidade. Mais um pouco de história paralela, a Umbrella (nada a ver com os soldados) libera o Programa Nemesis, um bicho enorme com metralhadora, pra desimar o resto dos soldados da STAR e mandar uma bomba lá pra limpar a cidade. O Dr. Charles Ashford, o criador bonzinho do T-Virus (não é ironia, ele é bonzinho mesmo), pede para alguém salvar a filha dele, Angela, que ficou na cidade, mas a galera da Umbrella diz “Olha a minha cara de quem se importa” e não ajuda o cientista, fazendo com que ele recorra por métodos de puro hacker, a Alice e seu grupo e também a Carlos e os soldados que continuam vivos depois de encontros com zumbis e até com Nemesis.


To de boa de brincar com esse cara!


Os dois grupos acabam se encontrando e se juntam para achar a garota e se mandar dali, já que o cientista prometeu um helicóptero. Aí tem uma confusão enorme, já que a garota diz estar infectada com o T-Vírus, mas que seu pai criou uma forma de conter esse vírus. Enfim, eles levam a garota para o ponto onde tem o helicóptero, mas a equipe da Umbrella descobre o que o Dr. Charles fez e aparece lá com um monte de soldados e também com o Nemesis dizendo “YOU SHALL NOT PASS”. Porradaria ali, porradaria aqui, Alice descobre que Nemesis é na verdade… MATT (som de novela mexicana). Matt, no final de sua vida mutante se vira contra a Umbrella e mata alguns soldados e a equipe (formada pelos sobreviventes Jill, Carlos, Angela e L.J., um personagem bem X só pra ter um pouco de comédia na história) voam e deixam Alice que ficou pra salva-los e matar o resto dos soldados. Algum tempo depois disso se passa e a reportagem que a falecida repórter Terri estava fazendo foi divulgada, mas Umbrella diz que é tudo mentira e que aquilo tudo foi só um problema de usina nuclear e que os sobreviventes estão sendo caçados pela polícia – Jill, Carlos e etc). Alice acorda e adivinha como? Amnésia! Pelo menos dessa vez durou pouco. Ela foi pega pela Umbrella e o vilãozin da história, Dr. Isaac, pergunta pra ela o que ela lembra. No começo ela realmente não sabe, mas logo Alice se lembra de tudo e começa a bater em todo mundo pra fugir. Os sobreviventes Jill e Carlos, disfarçados de agentes da Umbrella conseguem leva-la embora. Aí que começa o… Resident Evil 3 – Extinção (Prometo resumir mais)  



Esse é o Tyrant, que me lembra o Ivan Ooze (Clique AQUI!)


Enquanto isso, Claire e o resto dos sobreviventes fogem de helicóptero em direção ao Alaska. Mais tarde, Wesker está conversando com a diretoria da Umbrella e diz que as unidades da América do Norte foram destruídas e que ele vai tomar controle do Japão, onde ele estava. De repente, um holograma da Alice aparece e ela diz que vai chutar a bunda de todos da Umbrella. Ela diz que não está sozinha, e mostra todos os clones atrás dela (tipo, mais de centenas deles, mas a maioria ainda dentro de tubos). Acabo? Bom, aí nós vamos para o… Resident Evil 4 – Afterlife


Será que esse machado é pra compensar alguma coisa?


Alice e os irmãos foram os únicos sobreviventes (claro, são os protagonistas) e eles conseguem chegar no barco, mas descobrem que mesmo ele estando funcionando normalmente, ele estava abandonado. De repente, sim, do nada, acontece algo, Adivinha. Sério, adivinha. Aí vai: a memória de Claire volta (novela mexicana parte 2). Ela se lembra que o Arcadia era na verdade uma armadilha da Umbrella pra atrair sobreviventes para serem usados em testes como cobaias. Eles começam a soltar os sobreviventes do terceiro filme e Alice vai indo mais afundo no barco e encontra-se finalmente com Albert Wesker, que está muito estranho (parecendo um boneco Ken). Wesker está infectado também e diz que está batalhando contra o vírus. NA VERDADE, Wesker só queria comer a Alice. PERAI! Comer de verdade! Ele achava que esse era o único jeito de se adaptar em um nível celular. Porradaria acontece entre Chris, Claire contra Wesker enquanto Alice luta contra dois cachorros e um sobrevivente que se juntou a Wesker. Depois de tudo, Alice consegue vencer todo mundo (óbvio) e deixa Wesker preso junto com o sobrevivente que não é mais sobrevivente já que em vez de comer a Alice, Wesker come ele, revivendo o vilão que foge em um avião e ativa uma bomba no barco, mas Alice trocou a bomba de lugar e colocou no avião, explodindo, mas claro que o vilão meio highlander pula de paraquedas, já que quem morre gosta de morrer e quem vive é praticamente imortal nesse filme. Alice resolve transformar o barco em um verdadeiro lugar para os sobreviventes se juntarem, mas nem tudo é tão bonito no holocausto zumbi e um esquadrão da Umbrella chega matando todo mundo. O que aconteceu? Aí chegamos no filme mais recente (FINALMENTEEEEEEEEEEEEEE), mas não sem antes uma cena pós-créditos. Nessa cena, vimos Jill Valentine, a minha musa do segundo filme, que acabou sem explicação entre o segundo e o terceiro. Ela está usando o mesmo aparelho de controle mental que Claire usava. Ela é quem está mandando o esquadrão atacar a galera do barco, ou seja, ela virou malvada (dane-se, to contigo e não abro, Jill).   Resident Evil 5 – Retribution


Vilão? Ou não? Será? Sei lá….


Vejo muitas pessoas que gostaram e alguns que odiaram, mas isso depende de cada um. Eu honestamente estava com medo desse filme, já que não gostei do quarto, mas a cena final realmente me animou. Os efeitos são muito bons, as lutas são muito melhores que (me arrisco a dizer) quase qualquer uma de qualquer filme da franquia e a trilha sonora como sempre está impecável. O próximo filme promete ser muito bom se for na mesma linha deste. Espero mesmo que vocês gostem desse filme e também desse longo post. Se algo não ficou claro ou eu falei alguma besteira pode comentar! Para finalizar, vou deixar uma imagem da Jill. Por mais que eu ame a Michelle Rodriguez, a Sienna Guillory me deixou caído de amores.


Amor I love you (aaaaaa)


Bom, vamos ver né?   http://youtu.be/lRl19dJRTNI

#TVirus #Retribution #Mia #Jill #Retribuição #Zumbis #Porrada #MichelleRodriguez #Alice #ResidentEvil

Siga-nos nas redes sociais

  • Facebook - Aerolitos
  • Twitter - Aerolitos
  • LinkedIn - Aerolitos
  • YouTube - Aerolitos
  • Instagram - Aerolitos

©2020 - Aerolitos